Estudantes de Laranjal do Jari criam um vlog no Xvideos

       Para quem não é familiarizado com o "universo pornográfico", sobretudo o da internet, informo que muito antes de existirem sites como o YouTube e o Netflix, já existiam sites que hospedam vídeos pornográficos.


Está imagem está aqui por pertencer ao encerramento de Naruto aproveitado num dos vídeos do
inusitado vlog, no caso, o encerramento com a música "Broken Youth".



       Um deles, talvez o mais famoso, é o Xvideos (deixe nos comentários como diabos você pronuncia, se é "chis-vídeos", "eks-vídeos", "eks-vídios" ou "eks-vírios"), o qual, assim como a rede social Facebook, permite que os usuários devidamente registrados criem páginas e, assim como o YouTube, canais para postar seus próprios vídeos.
       Porém, diferentemente desses dois sites, onde há todo um controle sobre o que é postado (em partes), o controle nesse site adulto (e em outros) costuma ser única e exclusivamente o bom senso dos usuários, encarregados de denunciar alguma coisa errada (ex.: pornografia infantil). Consequentemente, isso faz com que seja perfeitamente possível postar vídeos que não possuem qualquer conteúdo sexual.
       Tanto isso é verdade que, em 2017, um brasileiro de 19 anos resolveu criar um canal no Xvideos para postar os seus vídeos de humor. Todavia, como a plataforma não é própria para vídeos assim, o Xvideos os apagou e, creio eu, tenha apagado também o canal - sobretudo após as denúncias que foram feitas tão logo os vídeos do rapaz viralizaram.


Print do finado canal "Moon Ra" no Xvideos.


       Pois bem, e não é que, no final do ano passado, surgiu um canal no Xvideos, chamado "The Bizonhos", que também posta vídeos sem conteúdo sexual? Os criadores desta nova anomalia na respeitada plataforma (todos os dias, milhares de homenagens são feitas diante dela) também são brasileiros e - o motivo que me levou a fazer este post - são daqui do meu Estado, o Amapá, mais especificamente da cidade de Laranjal do Jari.


Print da página inicial do canal "The Bizonhos" no Xvideos.


       Obviamente, não deixarei o link diretamente aqui. Para encontrar o canal sem ter a sua vista bombardeada com coisas que você não quer ver, siga à risca os seguintes passos:

1 - Vá para a barra de endereços do seu navegador
2 - Digite "www"
3 - Digite um "."
4 - Agora, digite "xvideos"
5 - Digite outro "."
6 - Digite "com"
7 - Agora ponha uma "/"
8 - Digite "profiles"
9 - Ponha outra "/"
10 - Finalmente, digite "thebizonhos" e aperte "enter".

       Pronto, agora basta você assistir os vídeos bisonhos antes que alguém (muito provavelmente alguém da escola [1], que a gurizada [2] irresponsavelmente fez questão de mencionar no título de um dos vídeos) denuncie o canal e o Xvideos o apague.





NOTAS

[1] Preferi não mencionar o nome da escola no título nem no texto.

[2] Como os envolvidos devem ser menores de idade, achei melhor não mencionar os seus nomes (identificáveis na imagem do perfil) nem exibir os seus rostos.

Comentários